Atenção!A página impressa é diferente da página exibida na tela do computador.
Precisando do nosso logo? Baixe-o em um dos seguintes formatos:
Vetorial (.svg)|Rasterizado em alta resolução (.jpg)|Ícone (.ico)
Obs.: não utilize nossa marca sem autorização.

Por favor, aguarde.
Link curto para esta página:


Feito!
Erro!
Texto compartilhe 2-110
Texto busque no site-110Texto busque na web.PNG

Município

Voltar
Acompanhe abaixo diversas informações sobre o município de Entre Rios do Sul, incluindo sua história, o significado de seu brasão e como se deu a formação administrativa. Visite também a galeria de prefeitos e a galeria de vereadores.

Histórico

Clique para ampliar
Com a aquisição do "Polígono D" da Fazenda Norte de Quatro Irmãos, pela firma Moysés Iochpe & Outros, adquirida da antiga ICA Jehys Colonization Corporation, e prevendo a construção da Usina Hidrelétrica do Rio Passo Fundo, resolveu, a firma compradora, fazer um loteamento rural da gleba, bem como lum oteamento urbano com um traçado regular e bem-locado. Nascia assim Vila Alegre.

Em 1959, começaram a aparecer os primeiros colonizadores, a família Dall'Agnol, Brustolin, Correia, Silva, e a firma de Emerlindo Dall'Agnol que com a intenção de atender os funcionários da CEEE, os quais faziam o levantamento topográfico e a sondagem da futura Usina Hidrelétrica do Rio Passo Fundo, bem como atender os colonos que começavam a entrar na área a ser desbravada, se instalou na sede de Vila Alegre. Nesta altura, foi construída uma pequena escola que seria atendida por uma professora da Prefeitura de São Valentim. Em 1961, pelo Decreto nº 12.241 do Governo do Estado, foi criada a Escola Rural Isolada de Vila Alegre, visando atender os alunos da redondeza.
Clique para ampliar
Em agosto de 1966 começaram a aparecer as primeiras máquinas que iriam trabalhar na construção da Usina Hidrelétrica do Rio Passo Fundo, e com elas operadores e demais funcinários para tal. O nome do Município foi escolhido Entre Rios do Sul por estar localizado entre dois rios, o Passo Fundo e o Erechim.

Em 1989, foi realizado um concurso entre os estudantes, para a escolha da bandeira do município e o brasão. A comissão julgadora escolheu a bandeira criada pelo estudante que descreveu a bandeira do município da seguinte forma: "A bandeira retangular com três faixas diagonais com as cores Roxo terra no centro que representa a terra de Entre Rios do Sul, ladeada pela cor azul que representa os rios que banham o município, o Rio Passo Fundo que origina a Barragem e o Rio Erechim."

O significado do brasão do município

O Brasão criado por outro estudante, expressa as riquezas do município. Em 11 de março de 2004, sob a Lei nº 1.036, criou-se o Hino do Município de Entre Rios do Sul. Entre Rios do Sul, é uma pequena semente que germinou , com um povo forte que venceu desafios e, hoje, se orgulha de ser entreriosulense.

O hino do município pode ser baixadonesse link. Vale lembrar que o hino é uma mídia de domínio público, podendo ser copiado e distribuído livremente.

E o brasão oficial do município está à disposição ao lado.

Formação administrativa

Em 1963, através do decreto nº 067, do dia 4 de outubro, foi criado o 4º Distrito de São Valentim, Vila Alegre. Em 1965, em consequência das questões de opiniões diversificadas, pelas vantagens de uns e de outros, formaram-se duas comissões, uma pela permanência de Vila Alegre como integrante de São Valentim, e outra pela reintegração ao Município de Campinas do Sul. Feito o plebiscito, venceu a Comissão Pró-Permanência a São Valentim.

Em fins de 1987, iniciou-se uma campanha pró-emancipacionista, que culminaria com um plebiscito em 10 de abril de 1988, quando, com a aprovação de todos, Vila Alegre passa à condição de Município. Também através do mesmo plebiscito, foi votada a permanência ou mudança do nome, passando assim, a denominar-se Entre Rios do Sul.

Desta maneira, sob a Lei Estadual nº 8.614 de 09 de maio de 1988, cria-se oficialmente o Município de Entre Rios do Sul.